Pular para o conteúdo principal

Seu cão está acima do peso? Veja algumas dicas para ajudar o seu amigo!

Hoje, a maioria dos cães está acima do peso ideal. Mas qual é o peso ideal? Como saber avaliar em casa, sem balança?
Existem muitas raças de cães e, por isso, muitos formatos de corpo diferentes. Algumas raças têm corpo mais largo e outras mais delgado, contudo, independente disso, podemos ter uma noção da quantidade de gordura existente no mascote e quando devemos procurar ajuda veterinária.

Importante ressaltar que, assim como para nós, estar acima do peso não é uma boa condição. Cães sofrem com as consequências do sobrepeso assim como humanos, desde problemas articulares, hipertensão, problemas cardíacos, diabetes entre outras enfermidades. Além de acompanhar o peso, podemos fazer alguns testes em casa. Para tanto, deixe seu cão “em estação” (com as quatro patinhas no chão, posição normal do cão). Quando ele estiver assim e parado, passe as mãos de leve sobre as costelas. E aí, o que você sente nas pontas dos dedos? Nada, ossos suaves ou ossos muito proeminentes? O ideal é que, quando a gente passe os dedos de leve sobre as costelas, a gente consiga sentir ossos suaves, sem ter que fazer pressão para senti-los (animal acima do peso) ou que a gente sinta ossos muito proeminentes (animal abaixo do peso). Outro teste é, com o animal na mesma posição, passar os dedos de leve sobre os ossos do quadril (nas laterais da coluna, antes do início da cauda). Então, o que você sente? Da mesma forma que no teste anterior, não devemos fazer pressão para sentir os ossos nem senti-los muito proeminentes. O ideal é sempre é que os ossos sejam sentidos de forma suave.

Então… você fez os testes, seu cão está “fofinho” e agora está se perguntando: o que fiz de errado e o que posso fazer para que meu amigo fique no peso ideal, saudável e me acompanhe com saúde por mais tempo?
As duas principais causas do aumento de peso dos cães são: alimentos com excesso de calorias ou farinhas e falta de exercícios físicos. Quanto aos petiscos, eles não devem exceder 5% da alimentação diária e sempre busque agrados naturais, como frutas (ver artigo permitidos). Já quanto as atividades físicas, cada vez temos menos tempo para passeios com nossos mascotes. Então que tal enriquecer o ambiente que eles ficam com brinquedos que façam eles gastarem energia? Existem brinquedos como bolinhas atrativas que fazem com eles se exercitem em um pequeno espaço gastando as gordurinhas extras.
Hoje os cães fazem parte da nossa vida e das nossas famílias. Queremos que eles sejam muito felizes e que nos acompanhem por muito tempo, de forma saudável. Sobre isso, o que você tem feito pelo seu melhor amigo? Cada vez mais buscamos para nossas vidas comidas saudáveis, com menos gorduras, com menos farinhas, fazemos mais exercícios físicos… e para seu pet, o que você tem buscado? Pense, pesquise, conheça as opções de alimentação natural, tanto as que você pode fazer em casa como as que podem ser compradas prontas, como uma ração tradicional. Converse com seu veterinário de confiança sobre essa mudança. Caso seu amigo tenha algum tipo de doença, não quer dizer que ele não possa fazer a transição de alimentação, apenas que requer uma dieta específica para seu caso. A alimentação natural ou dieta caseira, sempre acompanhada por veterinário, tem tido muitos resultados positivos na perda de peso e estabilização, além de benefícios como redução de alergias, redução de retenção de líquidos, aumento da disposição e da qualidade de vida, além de alguns estudos falarem até em aumento da expectativa de vida.
Escrito por Fabíola Monteiro, médica veterinária responsável pela empresa Panela do Pet, especializada em alimentação natural desidratada, ração natural sem corantes, conservantes ou aditivos químicos. Saiba mais sobre a Panela do Pet em www.paneladopet.com.br ou sac@paneladopet.com.br
 —
Então, para 2017, vamos praticar esportes e cuidar da vidinha preciosa de nossos amigos?
Acessehttps://www.nostropet.com.br/ e conheça os acessórios ideais para iniciar a prática de Canicross com seu amigão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Canicross - Corra com seu cão

O que é Canicross?
Canicross nada mais é do que uma corrida do tipo cross country (corrida em terreno irregular) com seu cão. O dono utiliza um cinto com uma guia elástica ou com amortecedor (shock absorver) que é atrelada ao peitoral do cão (arnês), pode ser praticado com um ou dois cães.
Quem pode praticar o esporte?
Todos podem praticar o esporte desde que tenham condições físicas, para isso consulte seu médico e um médico veterinário para saber se  ambos estão aptos. Cães de qualquer raça podem praticar o esporte desde que seja observado as particularidades de cada raça, crianças também podem participar desde que tenha condições de controlar o cão.

Quais equipamentos são necessários?
Nenhum equipamentos especial é obrigatório, mas existe equipamento próprio para a prática do esporte. Cinto de canicross: É um cinto utilizado pelo dono/condutor mantendo as mãos livres durante a prática do esporte. Arnês (modelo x-back): É um peitoral específico para tração, que se estende por todo o corpo …

10 Dicas para quem vai treinar CANICROSS

A chegada do tempo bom incentiva o passeio com o cão e a praticar algum esporte com ele. Juntamente com o agility, entre os esportes que mais tem atraído os aficionados por cães está o canicross, por isso, lhe damos dez conselhos para quando quiser praticá-lo. E lembre-se sempre que ESCOLHER O EQUIPAMENTO CORRETO É O PRIMEIRO PASSO!


1. Exame veterinário. Verificar a saúde do cão é o primeiro passo necessário.

2. Começar a treinar. É essencial que o cão vá gradualmente ganhando resistência aeróbica, para começar, pode-se dar um passeio de bicicleta por aproximadamente 20 minutos.



3. Educação técnica. O cão deve conhecer as técnicas necessárias para participar de uma corrida, como as ultrapassagens, alongar a linha de forma constante, cruzar-se com outros cães, ordens direcionais, pedir-lhe que trote devagar etc, e é responsabilidade do guia que ele as aprenda corretamente.

4. Fortalecimento da musculatura geral e do quarto traseiro, em particular, para isso, se torna muito eficaz praticar…

SAIBA MAIS SOBRE A IMPORTÂNCIA DAS REGRAS E REGULAMENTOS PARA O CANICROSS E O BIKEJORING

Geralmente pensamos que as regras e os regulamentos servem apenas para quem pratica o esporte de forma oficial. De certa forma sim, porém, estas regras e regulamentos são criadas não só no intuito de organizar o esporte, mas também amparar e proteger a integridade dos atletas ou praticantes, sejam eles humanos ou cães. Neste artigo procurei destacar alguns pontos importantes no que diz respeito às regras e regulamentos para Canicross e Bikejoring que são estabelecidos e seguidos pela IFSS (Federação Internacional de Sleddog Sports), que detém o World Dryland Championships(abrangendo Canicross e Bikejoring) e a ECF (European Canicross Federation).
A ideia é passar as informações relevantes ao praticante, seja para competição ou diversão, para que este possa usufruir dos benefícios do esporte de forma segura e correta. Não são todos os itens que precisam ser seguidos por quem pratica estes esportes como lazer e diversão, pois muitas das regras serão específicas para provas com grandes quan…